Suplementação

Deposteron: saiba tudo sobre esse esteroide anabolizante

Deposteron anabolizante

Muitos atletas de musculação iniciantes buscam informações sobre formas de acelerar o crescimento muscular e acabam se deparando com esteroides anabolizantes como o Deposteron.

Sem informações corretas sobre o produto, muitos homens utilizam esse medicamento da forma errada e acabam por não conseguir resultados satisfatórios ou causar sérios prejuízos à saúde.

Leia este post e esclareça todas suas dúvidas sobre o Deposteron!

O que é o Deposteron e como ele funciona?

O Deposteron é um medicamento injetável cuja finalidade real é o tratamento de insuficiência testicular e só pode ser adquirido e utilizado com prescrição e acompanhamento médico.

No entanto, esse medicamento é comumente utilizado de forma indiscriminada por body buildings e adeptos da musculação para fins estéticos, atraídos pela promessa de rápido ganho de volume muscular e aumento da força.

Apesar de altamente androgênico, o Deposteron é uma droga de liberação e efeitos lentos, e que aromatiza muito facilmente, não sendo, portanto, a melhor opção de esteroide anabolizante do mercado, já que não apresenta resultados tão impressionantes e causa efeitos colaterais preocupantes.

Como utilizar o Deposteron

Primeiramente, o Deposteron não é uma droga para iniciantes.

Por ser uma droga lenta, deve ser utilizado sempre fora de temporada, quando o objetivo é ganhar muito peso. Sendo assim, o Desposteron deve ser utilizado em combinação com outro esteroide anabolizante, chamado Durasteton.

Esses esteroides não devem ser utilizados sozinhos, pois separados não trazem bons resultados.

Por exemplo, se você escolher utilizar o Durateston durante um ciclo médio de dez semanas, você poderá obter ganhos, mas ganhos de pouca qualidade, com muita retenção de líquido e com muitos perigos relacionados aos efeitos colaterais.

Já se o escolhido for o Deposteron, os ganhos vão demorar muito a aparecer e o organismo ficará sobrecarregado de hormônios, o que pode causar problemas enquanto você faz o ciclo, ou até mesmo futuramente.

Portanto, a forma menos nociva é utilizar inicialmente o Durateston por um período mínimo e logo depois utilizar o Deposteron em dosagens moderadas, aliando as duas drogas para originar um ganho relativamente satisfatório no ciclo.

Como você pode observar, o Deposteron é um esteroide que pouco auxilia no ganho de massa muscular e deve ser utilizado sempre como complemento de outros anabolizantes, preferencialmente o Durateston. E além de tudo, vale ressaltar que esse esteroide também pode ocasionar grandes perdas de força e volume, assim que sua utilização é descontinuada.

Mas se por um lado os benefícios não são tão atraentes, os efeitos colaterais são bastante significativos, como veremos a seguir.

Efeitos colaterais e riscos do Deposteron

Com uma extensa lista de efeitos colaterais, o Deposteron é conhecido principalmente por causar a atrofia dos testículos mais rapidamente do que qualquer outro esteroide anabolizante.

Além disso, por ser facilmente aromatizado, o Deposteron causa elevada retenção de líquidos, eleva a pressão arterial e aumenta as chances do indivíduo apresentar ginecomastia, condição caracterizada pelo crescimento do tecido mamário em homens.

Por ser altamente androgênico, esse esteroide pode confundir o cérebro, que passa a entender que deve parar de produzir testosterona, uma vez que existe uma alta concentração de elementos de testosterona sintéticos no organismo. Essa falha na produção de testosterona, assim como suas alterações bruscas, favorecem a esterilização e impotência, além de causar problemas emocionais e psicológicos.

Também há efeitos negativos relacionados à aplicação da droga, que vem em ampolas e deve ser injetada diretamente nos glúteos. A aplicação caseira pode trazer dor no local, assim como inflamações e até necrose.

Além de todos os efeitos colaterais citados até aqui, o Deposteron ainda pode causar náuseas, queda de cabelo, perda de libido, problemas renais, câncer de fígado e próstata, irritação gastrointestinal, hipertrofia da próstata, irritabilidade da bexiga e problemas hepáticos.

Vale salientar que o uso do Deposteron em mulheres é altamente contraindicado, já que pode levar à masculinização por meio de engrossamento da voz, aumento da produção de pelos, amenorreia causada por alterações na menstruação, acne, e até mesmo infertilidade.

Proibição do uso estético no Brasil

O Deposteron pode ser encontrado em qualquer farmácia, já que é um medicamento para tratamento de insuficiência testicular, mas só pode ser comprado para esta finalidade e com prescrição médica, pois seu uso estético é proibido no Brasil e em diversos outros países.

No entanto, isso não impede que os aficionados por academia deixem de usar a droga com a finalidade de obter crescimento muscular, recorrendo ao mercado negro e se submetendo ao risco de adquirir o Deposteron falsificado e aumentar ainda mais os prejuízos para a saúde.

Sendo assim, o uso do Deposteron ou de qualquer outro esteroide anabolizante não é recomendado, pois seus danos à saúde sempre superam os benefícios ao corpo. Invista em um treino adequado, alimentação funcional e suplementação para conquistar os músculos que tanto deseja. Pode ser um caminho mais longo, mas certamente, mais seguro.

Você já conhecia o Deposteron? Qual a sua opinião sobre esse e outros esteroides anabolizantes? Posta nos comentários.