Nutrição

Saiba os benefícios do ovo para ganhar massa muscular

O ovo é uma das proteínas mais consumidas por todos que praticam atividades físicas, independente do seu objetivo. Esse alimento consegue ser bem versátil e, se for consumido corretamente, se adapta facilmente à todas as suas necessidades, isso sem contar que é um produto barato, fácil de encontrar e em abundância no mercado.

Os que desejam massa muscular sabem que não tem como deixar sua geladeira sem ovo. Aliás, é sempre bom termos geladeiras lotadas de ovos para poder suprir o que é necessário para conseguir bons benefícios, já que o ovo possui uma taxa pequena de proteína em sua composição, sendo apenas 4 gramas por ovo consumido.

Leia também: Clara de ovo pasteurizada: conheça os seus benefícios e como usar

Existem quatro fatores que contribuem para a construção de massa muscular de modo saudável, que são: exercícios, suplementação, sono e alimentação, sendo todos eles de alto nível de prioridade e, se qualquer um deles não for feito corretamente, você não conseguirá conquistar resultados e não entenderá o porquê seu desenvolvimento será tão baixo.

O mito sobre o ovo

Para quem é iniciante e está lendo esse artigo, pode estar pensando “Mas, ovo? Ele não aumenta o colesterol?”. Essa pergunta é bem comum para quem não tem conhecimento, ainda mais depois de tanto ouvirmos os outros falarem que ovo dá colesterol, acabamos acreditando, sem entender exatamente o que seria esse colesterol que tanto falam.

Existem três tipos de colesterol em nosso corpo: o bom, que se chama HDL (Alta Densidade de Lipoproteína), o ruim, que se chama LDL (Baixa Densidade de Lipoproteína) e o VLDL (Muito Baixa Densidade de Lipoproteína). Mas, o que isso significa exatamente?

Quando há o consumo de produtos de qualidade ruim, ricos em LDL e VLDL, e não se consume algo que auxilie o HDL, nesse momento, você realmente passa a ter problemas de doenças relacionadas ao colesterol. No entanto, com o ovo não é bem assim que acontece.

Primeiro, precisamos saber que o colesterol é um hormônio produzido naturalmente pelo corpo e dificilmente o que ele produz por dia você conseguiria produzir consumido muitos ovos por dia. Isso porque, quando ingerimos um produto que possui colesterol, ele não vai para a corrente sanguínea, mas contribui para coisas muito benéficas para o corpo, como a produção de mais testosterona e, também, esteroides, que auxiliam na reparação das células e desenvolvimento de massa muscular.

Isso é apenas o início dos seus benefícios, pois ele é um alimento rico em nutrientes e de alto valor biológico.

Benefícios dos ovos

Como já mencionamos, o ovo tem, em média, 4 gramas de proteínas, sendo concentradas na clara, e a gema representa a parte da gordura desse alimento.

Muitas pessoas acabam descartando a gema por acreditarem que sua gordura pode prejudicar o desenvolvimento dos músculos ou até emagrecimento, sendo um erro para quem deseja não só adquirir uma proteína de alta qualidade, mas também melhorar sua saúde com diversos aminoácidos e vitaminas presentes nessa parte do ovo.

Alguns dos benefícios do ovo, quando consumido completo, são:

  • Fornecimento de vitamina A, D e E, sendo que a D é uma das que mais temos deficiência, sendo o seu déficit comum de ser encontrado como um “problema de cidade grande”, já que temos o costume de passar grande parte do dia dentro de casa ou escritórios;
  • O mais elevado valor biológico em proteínas é encontrado no ovo, mas apenas se consumido por completo, pois ele é reduzido quando focamos só na clara, além da proteína que aumenta, podendo até duplicar, quando consumimos a gema junto;
  • Fonte de DHA, gordura boa que também auxilia na produção maior de testosterona juntamente com o colesterol encontrado em sua composição;
  • Fornecimento de estoque de ômega 3.