Exercícios físicos

O que é o overtraining e como evitá-lo? Descubra tudo aqui

Você já deve ter percebido em muito treinos o termo overtraining e pode até já ter passado por isso, principalmente se for iniciante, onde é mais comum de as pessoas acabarem passando por esse problema por ainda não conhecerem muito bem os limites dos seus corpos.

Overtraining é quando utilizamos o nosso corpo mais do que conseguimos recuperar, podendo ser por falta de descanso ou devido a uma alimentação inadequada para as suas necessidade, gerando diversos problemas, que podem ir do mais simples, que é um dor intensa que demora para ir embora, ou até lesões nas articulações e musculação.

O processo de desenvolvimento de massa muscular é feito principalmente fora de academia e as pessoas podem acabar não respeitando. Descanso, alimentação correta para oferecer todos os nutrientes necessários aos músculos, o uso de suplementação e, também, ter treinos corretos e personalizados de acordo com a sua necessidade são essenciais para evitar esse estado físico, que atrapalha até nas suas atividades diárias, dependendo da intensidade.

Como identificar que está em overtraining

Vai por mim. Quando você estiver em overtraining, rapidamente você perceberá, pois a sensação será de que o seu corpo não te pertence e tudo ficará horrível para se fazer. Mas, caso você passe por um momento de não saber se o que está sentindo é o overtraining ou apenas alguma gripe muito forte, fique de olho nesses sintomas:

  • Dor nas articulações sem motivo aparente, sendo ruim para fazer até movimentos simples do dia a dia, como sentar e levantar, quando for nas pernas seus maiores sintomas;
  • Não conseguir realizar o treino todo ou ao menos metade dele, sendo difícil completar séries devido às fortes dores e cansaço que está sentindo;
  • Um cansaço e desânimo constante te domina, atrapalhando em tudo que você vai fazer e dando vontade de fazer realmente nada;
  • Problemas para dormir são bastante comuns, podendo fazer você perder completamente o sono ou, ao contrário, fazer com que o seu sono nunca acabe, devido ao seu corpo ficar pedindo um tempo para se recuperar de todos os esforços gerados;
  • Pode até ser consequência das dores que você estará sentindo, mas tudo passa a ter irritar, até os barulhos mais bobos são como se tivessem te provocando. Tente manter a calma;
  • Falamos que você pode achar que está apenas gripado, mas, na verdade, você pode realmente estar gripado, pois o overtraining diminui a sua imunidade e os resfriados e gripes começam em uma sequência fora do comum de pessoas que estão saudáveis.

Evitando o overtraining

No começo, pode parecer difícil controlar para não entrar nesse estado, mas aos poucos você vai aprendendo a conhecer melhor o seu corpo e quais os seus limites, tornando os efeitos pós-treino prazerosos, ao invés do que sentimos quando estamos nessa situação.

Aqui vão algumas dicas que podem lhe auxiliar nesse processo e conseguir treinar o máximo possível com os resultados mais satisfatórios:

  • Cuide da alimentação, pois ela é essencial para uma boa evolução. Dê foco nas proteínas para o desenvolvimento de massa magra, carboidratos que irão dar energia ao corpo, frutas, verduras e legumes que são fontes de diversas vitaminas e minerais, essenciais para manter o corpo saudável e com bom funcionamento;
  • Não tenha medo da suplementação, pois ela pode evitar que as suas dores sejam grandes e que a recuperação da massa magra ocorra mais rápido, como ocorre com o BCAA. Mas existem diversos suplementos que não apenas auxiliam para não entrar em overtraining, mas melhoram na qualidade de vida, fazendo com que você possa dar essa forçada a mais sem ficar tão ruim depois;
  • Não esqueça de dormir, e durma muito, pois é nesse momento que o nosso corpo reconstrói as fibras e leva todos os nutrientes necessários pelo corpo, dando um restart no sistema e nos deixando prontos para a próxima.
  • Saiba separar um dia para o descanso, evitando que seu corpo entre em estafa, o que é muito importante para um desenvolvimento saudável, pois os músculos também precisam descansar para poderem crescer;
  • Evite o estresse e atividades intensas que você puder. Sabemos que algumas coisas são difíceis de escapar, mas não gaste suas energias se estressando com o que não lhe compete ou com atividades que outras pessoas possam executar, evitando que suas energias sejam gastas onde não terão a mesma utilidade do que na musculação, e não gastando o que será utilizada dela durante os treinos.