Exercícios físicos

Confira 6 dicas para crescer o braço de uma vez por todas

Aumentar a massa muscular do braço, quando estamos iniciando na academia e no desenvolvimento por meio de hipertrofia, acreditamos que será um processo fácil, mas, na verdade, ele possui diversas manias e jeito para que possamos obter resultados satisfatórios para o nosso treino.

O nosso braço possui vários músculos isolados que atuam de modo diferente e que, para se desenvolverem, precisam ser treinados corretamente, possibilitando ter realmente um braço gigante e fortificado.

Quando estamos realizando atividades físicas, essa é uma das partes que mais se destacam no nosso corpo. Por isso, é a região mais treinada por todas as pessoas, sendo necessário que seu desenvolvimento seja bem elaborado, não gerando braços estranhos e dando uma boa forma para eles.

Nesse artigo, daremos dicas simples e essenciais para que você possa ter os melhores resultados possíveis e poder exibir o seu braço onde quer que for com os seus treinos.

Varie

Saiba que praticar sempre os mesmos exercícios não é o mais recomendado. Existem diversos tipos diferentes de séries possíveis para trabalhar um determinado músculo.

Quando variamos, conseguimos fazer com que o corpo seja forçado a realizar um movimento novo, gerando mais fissuras nas fibras musculares e melhorando o seu desenvolvimento, além de evitar a estagnação muscular.

Tríceps antes do bíceps

⅔ do seu braço é composto pelo tríceps e, mesmo assim, grande parte das pessoas que treinam acabam focando muito mais nos bíceps, que são responsáveis apenas pela qualidade muscular do seu braço.

Se o seu objetivo é adquirir volume e ter braços grandes e densos, foque a maior parte dos seus exercícios nesse músculo e utilize o bíceps apenas para exercícios que darão força ao invés de volume.

Descanso também é treino

É bem comum nos treinos as pessoas não respeitarem os descansos de diversos modos, sendo que os mais importantes são dormir, no mínimo, 8 horas por noite e reservar um dia da semana para a sua recuperação.

É nos momentos de descanso que o músculo é construído e recupera o corpo, dando energia para todos os músculos poderem retomar as suas atividades fortificadas.

Alimentação

Não importa se o seu objetivo é emagrecer, engordar, adquirir massa magra ou definir o corpo. A alimentação sempre é o passo mais importante para que você possa realmente ter resultados de todos os esforços que realizar no decorrer dos treinos.

Preste sempre atenção se as suas calorias consumidas estão distribuídas corretamente durante o dia e se está consumindo todos os nutrientes, vitaminas e sais minerais necessários para o desenvolvimento de massa magra.

Caso você não consiga consumir todo o necessário com alimentação, a suplementação pode auxiliar a alcançar os seus objetivos. Mas é sempre bom consultar um especialista para analisar as suas necessidades e como o seu corpo funciona para elaborar a dieta mais direcionada possível para o seu desenvolvimento muscular, com qualidade de vida e saúde.

Cuidado com os intervalos

Se você costuma fazer uma série e dar uma pausa muito longa, esse pode ser um dos motivos para o seu desenvolvimento muscular não ser tão bom o quanto você esperava ou acredita que deveria ser de acordo com os seus esforços.

Quando fazemos uma pausa longa entre as séries, nossos músculos voltam ao repouso, diminuindo a circulação de sangue neles e fazendo com que os efeitos de hipertrofia sejam menores.

As pausas são necessárias e importantes, mas saiba não ficar muito tempo parado entre elas, pois, desse modo, você conseguirá gerar fissuras em fibras mais profundas, tornando a evolução mais rápida e com músculos mais fortificados.

Não esqueça dos antebraços

Você já deve ter visto alguma pessoa que tinha os braços super musculosos, mas, quando chegava no antebraço, era fino e claramente não treinado para o seu desenvolvimento.

Muitas pessoas acreditam que os treinos direcionados para o braços já refletem nas musculatura localizada no antebraço, o que é um erro, pois ele também precisa ser exercitado do mesmo modo que os seus bíceps e tríceps. Ou seja, com cargas pesadas e com séries de poucas repetições. Nada de pegar leve com eles, pois isso dará o mesmo efeito do que se você não tivesse feito nada com eles e um braço atrativo precisa estar todo desenvolvido.