Nutrição

Açaí ajuda a ganhar massa muscular? Saiba tudo aqui

Mesmo para quem não pratica atividades físicas, quem nunca tomou aquele delicioso açaí na praia para dar uma energia e, é claro, para provar o seu sabor delicioso?

Apesar de ser muito bom, por muitos e muitos anos o açaí foi tido como um vilão das dietas e responsável apenas por fazer com que a gordura corporal crescesse. No entanto, o conhecimento a respeito dessa frutinha roxa melhorou e, hoje, sabemos que ela é muito benéfica para a saúde em diversos aspectos, o que a tornou conhecida e a fez cair no gosto popular, principalmente por causa da sua versatilidade, podendo ser consumida em sua forma doce ou salgada.

Benefícios do açaí

O açaí pertence ao reino Plantae, da família das Aerecaceae, e possui vários nomes, além desse mais popular, podendo ser chamado de piná, tucaniel, iuçara, uaçaí, entre diversos outros, dependendo da região em que vamos no Brasil, sendo que ela está presente em todo nosso território, principalmente na parte Norte do país, representando 85% de toda a produção mundial dessa fruta roxa.

Cheio de ácidos graxos, antioxidantes, potássio, vitamina E, vitaminas do complexo B e magnésio, minerais como fósforo e ferro e fibras, o açaí traz diversos benefícios ao corpo, diminuindo as gorduras nas artérias, melhorando o colesterol bom e reduzindo o ruim, auxiliando no controle glicêmico, prevenindo doenças cardiovasculares melhorando a circulação sanguínea no corpo e, ainda, podendo auxiliar na prevenção do câncer, devido ao seu ácido oleico, retardando o desenvolvimento de tumores e destruindo células cancerígenas.

Como se todos esses benefícios já não bastassem, o açaí ainda é capaz de prevenir a osteoporose, por ser rico em cálcio e potássio, também ajudando na prevenção da anemia, graças à sua alta concentração de fósforo e minerais.

Apesar de ela ser uma fruta com tantos benefícios, para quem está procurando emagrecer, pode não ser uma boa solução, pois a fruta possui muitos carboidratos, o que não é recomendado para quem precisa perder gordura corporal. Mas, se você estiver realizando atividades físicas intensas e consumir o açaí na hora certa para que esses benefícios sirvam de energia, eles podem não travar o emagrecimento.

A fruta deve ser evitada por diabéticos, justamente por causa desse alto índice de carboidratos, que interferem diretamente no nível de glicose presente no sangue.

Açaí para ganhar massa magra

Não podemos dizer que o açaí está diretamente ligado ao emagrecimento ou à aquisição de massa muscular, pois ainda não existem estudos que conseguem comprovar a eficiência, ou falta dela, nesses dois casos. No entnato, existem algumas coisas que sabemos sobre a fruta que podem ser bons pontos na sua reflexão de que alimentos inserir na sua dieta.

Por ser uma fonte alta de carboidratos, o açaí gera muita energia para o corpo, sendo um bom auxílio para recuperação de energia perdida após o treino ou como um pré-treino que irá suprir as necessidades de carboidratos que serão utilizados para evitar a fadiga.

Estudos realizados já conseguiram comprovar que pessoas que ingerem açaí antes de seus treinos conseguem realizar mais séries sem cansar e prevenindo lesões mais sérias na musculatura devido às suas intensidades, realizando treinos mais longos e intensos de quem pratica sem o seu consumo.

Lógico que um açaí cheio de leite condensado, granola, iogurte e um monte de outras coisas não terá o mesmo efeito e poderá ser muito prejudicial para a saúde, sendo o melhor modo de consumi-lo, para ter uma digestão mais rápida, é ingerindo em forma de suco e sem todos esses “complementos”, que podem até mascarar o gosto da fruta.

Independente de você inserir ou não o açaí na sua dieta, já que ele não possui propriedades comprovadas na aquisição de massa muscular, ele ainda é um alimento que vale a pena ser consumido de forma consciente em sua dieta, devido a todos os benefícios que a fruta pode proporcionar ao corpo, não sendo algo que deve ser totalmente deixado de lado para quem está procurando não apenas o desenvolvimento de massa magra, mas também querendo adquirir saúde e qualidade de vida.